IDEIA Big Data e PiniOn se unem para liderar segmento de pesquisa com uso de tecnologia

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

A junção da renomada instituição com a startup visa inovar e ampliar formas de mapear públicos e opiniões e as coloca na vanguarda de tecnologia nesse nicho

 

O Instituto IDEIA Big Data e a startup de pesquisa via mobile, PiniOn, acabam de se associar e anunciar uma fusão inédita no mercado brasileiro. Juntas, as empresas unirão forças e tecnologias em busca de modernas maneiras de mapear públicos e opiniões. “Teremos a mais completa cobertura de big data e tecnologia para ajudar as pessoas a conhecerem melhor seu público-alvo e aprimorar sua relação com ele. Acredito que nenhum instituto de pesquisa conseguirá ofertar algo similar”, destaca o presidente do IDEIA Big Data, Maurício Moura.

Fundada em 2011 sob o nome de Ideia Inteligência, o IDEIA Big Data apresentou seu novo posicionamento e nome ao mercado em abril deste ano. A mudança acompanhou a atuação da empresa, que conta com soluções de inteligência em pesquisa, banco de dados e Microtargeting, sempre tendo o uso do big data como pilar fundamental. A plataforma Alexandria, desenvolvida pela equipe interna do Instituto para gerenciamento de dados, conta com registros de mais de 172 milhões de brasileiros – o que corresponde a cerca de 82% da população.

As empresas tem total sinergia. A PiniOn é uma startup de pesquisa por meio de aplicativo mobile e web, que utiliza geo-localização e big data para selecionar e indicar o público certo para responder às demandas. Com 680 mil usuários ativos só no Brasil, o PiniOn é o maior painel digital do País e seu principal diferencial é combinar tecnologias de processamento de dados e a interface mobile. “Nossos produtos se tornaram extremamente complementares. Juntos, temos coleta de dados primários e secundários, capacidade de armazenamento, enriquecimento e cruzamento de dados e estratégia de comunicação fundamentada nos melhores usos do big data. O PiniOn, junto com o Alexandria, passa a ser a engrenagem do IDEIA, podendo atender clientes de forma isolada ou conjunta”, ressalta Eduardo.

A incorporação acompanha o crescimento do IDEIA, que com a fusão, pretende dobrar o faturamento e figurar entre os 10 maiores institutos de pesquisa do Brasil. “Seremos capazes de oferecer soluções mais integradas e de maior valor para os clientes. Isso nos possibilita entender suas demandas e adequar de maneira mais plena nossas ofertas”, conclui Maurício.

A empresa também tem investido fortemente na internacionalização de suas operações, hoje responsável por 30% da sua arrecadação. Com projetos premiados internacionalmente, conta com escritórios no Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília, Ribeirão Preto, Lisboa, Montevideo, Nova Delhi e Washington, e também já desenvolveu trabalhos em países como Argentina, Venezuela, Peru, Bolívia, Romênia, Moçambique e África do Sul.

Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *