92% não confiam na capacidade de Temer em conduzir reformas

Pesquisa realizada pelo Ideia Big Data foi veiculada no jornal Valor Econômico

Pesquisa realizada pelo Ideia Big Data entre os dias 22 e 26 de maio mostrou que 92% dos entrevistados não confiam na capacidade do presidente Michel Temer em conduzir as reformas da Previdência e Trabalhista.

A pesquisa verificou ainda que a maioria (58%) se opõe à reforma da Previdência. Para o presidente do Ideia Big Data, Maurício Moura, muitas pessoas até admitem o problema econômico, mas não se solidarizam a ponto de aprovar a reforma. “Os defensores sustentam que ela tem que ser aprovada, senão o país irá quebrar. Mas, para uma grande parte da população, o discurso foi o de que as pessoas teriam que se sacrificar porque a classe política quebrou o país”, avalia.

Já com relação à reforma Trabalhista a posição é diferente: 63% acham que ela deveria continuar. Um dado que talvez corrobore para esse posicionamento é o fato da maioria acreditar que dar maior flexibilidade às relações de trabalho ajudaria na criação de empregos (57%).

Mas para os entrevistados, mais importante do que qualquer reforma está o combate à corrupção. 66% entendem que resolver o problema de corrupção no Brasil é mais importante do que melhorar as condições da economia.

A pesquisa foi realizada com pouco mais de 5 mil pessoas em 69 cidades diferentes. Os dados dos estudo serviram de base para matéria publicada no último dia 31 de maio no jornal Valor Econômico. Clique aqui para acessar a matéria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *