Pouca confiança na economia e elevada descrença na política é percepção dos principais empresários e líderes brasileiros

A fim de fortalecer o mercado por meio da reunião dos grandes líderes brasileiros e uma análise sempre atualizada da situação econômica e política do País, o IDEIA Big Data lançou o OPINA Brasil, painel eletrônico respondido por grandes empresários e líderes sobre como enxergam o cenário atual e os próximos meses. Implantado por meio do PiniOn, a pesquisa será realizada a cada dois meses.

Na edição de estreia, realizada este mês, chamou atenção a falta de esperança na economia. Quase metade dos entrevistados se declararam neutros (48%), e aqueles mais pessimistas (37%) estão em maior número do que os otimistas (15%). E se agora já está ruim, para quase metade dos respondentes (49%) a situação tende a piorar nos próximos 6 meses. Só 8% vislumbram uma melhora.

Quando falamos sobre a política, a situação fica ainda pior. A sensação de desconfiança com relação aos políticos é perceptível, com 84% relatando sentimento negativo, contra irrisórios 3% que se dizem otimistas. No entanto, ao serem questionados sobre a expectativa com relação à política brasileira também daqui a seis meses, há mais esperançosos (22%) do que pessimistas (17%), mas o sentimento mais forte ainda é o de incerteza e imprecisão sobre o futuro (61%).

Ao analisar especificamente o mercado em que atuam, o empresariado ficou dividido: 32% são mais positivos, 30% negativos e os que estão no meio termo somam 38%. O grupo também não enxerga melhora a curto prazo. Para 49%, a conjuntura do setor estará igual a agora e 48% creem que vai piorar.

De forma geral, os entrevistados demonstraram pouca confiança no País (62%), contra 37% que se diz confiante e apenas 1% que se diz muito confiante. A pesquisa foi realizada com 400 empresários e líderes de todo o Brasil durante os dias 31 de julho e 09 de agosto, por meio de questionário online de autopreenchimento.

 

Confira os dados no infográfico clicando aqui.

 

IDEIA Big Data conquista Napolitan Victory Awards 2017

A conquista do Victory representa o quinto reconhecimento do mercado ao IDEIA Big Data só esse ano

 

“Big Social Data: Uma poderosa combinação para campanhas ganhadoras” é o nome do projeto que rendeu ao IDEIA Big Data a conquista do Napolitan Victory Awards 2017, promovido pela Academia de Artes e Ciências Políticas de Washington para reconhecer o melhor na indústria de consultoria política em todo o mundo. O Napolitan Victory Awards é o único prêmio cujo convite é estendido para mais de 21 países.

O IDEIA Big Data foi agraciado com a premiação na categoria “Inovação Política do Ano” pela integração do poder das redes sociais com o big data em uma difícil campanha no interior do Brasil. “Nós criamos um modelo tecnológico inovador, que por meio da aplicação de algoritmos matemáticos, nos permitiu extrair informações comportamentais das redes sociais. Esses dados foram cruzados com o nosso big data. Dessa forma, criamos mensagens bastante precisas para cada perfil de público”, explica o presidente do IDEIA, Maurício Moura.

A premiação, anunciada no dia 30 de agosto, em cerimônia realizada em Washington, representa o quinto reconhecimento do mercado ao IDEIA Big Data só esse ano, visto que a empresa também ganhou ouro e prata no Goldies Awards 2017, prata no Polaris Awards e foi finalista no Reed Awards.

Esta é a segunda vez que o IDEIA conquista o Victory Awards na mesma categoria. A primeira vitória, em 2015, foi devido ao pioneirismo no uso de Whatsapp em campanhas eleitorais.